Skip to content

Who run the world ?

08/03/2012

Salut !

Essa semana foi uma correria pra mim, uma verdadeira loucura. E o tempo, concentração e inspiração pra postar no blog (algo de qualidade, claro) acabou faltando.

Mas mesmo eu estando ainda assim hoje, eu não pude deixar de escrever alguma coisinha pra vocês, mesmo que um textinho pequenininho. Vocês, mulheres, que assim como eu, estão na correria, lutando, fazendo, cuidando, ensinando, administrando, supervisionando, criando, imaginando, e principalmente sonhando.

Quando eu ainda não era mulher de verdade, e não faz muito tempo, diria até menos de 2 anos atrás, achava o máximo nós termos um dia só nosso, mas não via muito motivo pra isso. Mesmo assim, curtia os parabéns e ficava na minha.
Hoje eu entendo, e acho que toda mulher deve entender também.
A homenagem não é para o gênero feminino. A homenagem não é apenas (apenas, viu, que fique claro) pra compensar tudo o que nossas antepassadas passaram, todo o sofrimento de ser mulher e discriminada.
Isso aconteceu, e a mulherada mostrou ao mundo do que é capaz, que é gente e gente competente, assim como outros grupos discriminados também o fizeram e continuam a fazer.
Mas o tempo passou, e estamos sempre a crescer, a melhorar, a ocupar um lugar mais alto, não é mesmo ?
Parabéns para nós, superamos um obstáculo bastante complicado.

Mas a partir de agora o obstáculo é maior.
Maior porque ainda somos mulheres, ainda somos mães, ainda somos esposas, tudo como antes; porém com o adicional do trabalho, ou a cobrança dele.
Hoje uma mulher que não trabalha fora de casa é cobrada por isso. Outra que não tem filhos porque trabalha fora de casa é cobrada também. E aquela que faz e tem tudo isso, mas falha em alguma das áreas (não precisa ser uma falha muito grave, viu) é cobrada mais ainda. Cobrada pelos homens, pelas outras mulheres, por nós mesmas.

Esse caminho é longo, é díficil, mas sei que nós ainda encontraremos nosso equilíbrio perfeito. Infelizmente, enquanto isso muitas de nós tropeçam no caminho, e a função das outras é ajudar essas integrantes do nosso time.
Isso não é uma guerra entre sexos, como as mulheres do passado achavam que era, e sim uma luta nossa conosco mesmas, de auto-superação, de auto-entendimento, com o objetivo do equilíbrio.

Vamos tomar esse nosso dia como um dia para recarregar as energias, pensar em como somos fortes e corajosas por tudo o que fazemos e já fizemos e retribuir cada palavra carinhosa pelo nosso dia com uma atitude de caráter. 🙂

Bisous,
Amanda Chaguri

Anúncios

Conhecendo: Castell de Montjuïc – Barcelona

06/03/2012

Salut !

O lugar de hoje tem um nome um tanto quanto esquisito. Desculpa, mas é verdade !
Continuando com Barcelona, hoje eu vou comentar um pouco sobre o Castell de Montjuïc !

Também podendo ser chamado de Castelo de Montjuïc (o que não faz muita diferença na esquisitice do nome), é um castelo medieval situado no Montjuïc (= Monte dos Judeus), onde, segundo estudos arqueológicos, havia um cemitério judeu.

O castelo foi contruído estrategicamente como fortaleza, para defesa da cidade, mas foi invadido posteriormente pelos franceses na Guerra de Independência Espanhola. Mais tarde, foi usado inúmeras vezes como prisão para presos políticos.

Em tempos mais atuais, Montjuïc foi palco da Exposição Internacional de Barcelona de 1929, possibilitando assim inúmeras melhorias na região, mas tendo o castelo sempre com o papel principal ao centro. Mais tarde, sediou 4 vezes o Grande Prêmio da Espanha de Fórmula 1, no Circuito Montjuïc, e ainda próximo a ele encontram-se as instalações dos Jogos Olímpicos de Barcelona de 1992.

Momentos de celebridade à parte, visitar o castelo é incrível. Não muito pelo castelo em si, mas pela vista maravilhosa, privilegiada e estratégica que ele tem de toda a cidade de Barcelona. Vocês devem ter visto isso pelas fotos lindas que eu pude tirar, né ?


Fotos: Acervo pessoal. – Clique nelas pra ver maior

Bisous,
Amanda Chaguri

Wish List: Óculos de sol (boca)

04/03/2012

Salut !

A Wish List de hoje é pra quem gosta de acessórios criativos.. mas bem criativos mesmo !

Eu achei o máximo esse óculos, só não sei se eu particularmente usaria.
Anyway, adorei mesmo assim e coloquei na Wish List só pelo fato de ser legal.
E pra quem tem coragem, um acessório assim diferente faz toda a diferença em qualquer look sem criatividade. Uma bolsa com formato diferente, um sapato que imite alguma coisa, não sei !
O repertório na internet é enorme !
Esse é da Retrospect.co.uk

Bisous,
Amanda Chaguri

Encantos mil

01/03/2012

Salut !

Hoje é aniversário do Rio de Janeiro, que mesmo com 447 anos continua lindo !

Confesso que quando pensei em escrever esse post, fiquei meio triste por não ter escrito nada no dia do niver da minha São Paulo ❤
Mas fazer o que, agora já foi e espero pensar em alguma coisa pra homenagear minha cidade preferida ano que vem :}

Mas hoje é dia de Rio. Cidade maravilhosa, não há uma música que fale dessa cidade que não fale a verdade.
Mesmo com seus defeitinhos, esse lugar é extremamente inspirador e apaixonante, e inspira e apaixona na moda também.

É por isso que hoje eu vou mostrar pra vocês alguns achadinhos na internet com coisas fofíssimas inspiradas no berço do samba e das lindas canções.

T-shirt ASOS

Colar Cintia Sevaux

Camisa Fashiondelivery.com

Colar Briollet

T-shirt Renner

Anel Lídia Cruz

Isso sem falar no estilo, né meninas ?
Com quem mora eu sei que não é assim, mas fazer turismo no Rio é aproveitar o momento pra fazer o estilinho bossa, com direito a vestido florido, chapéu, muitas cores, e claro, havaianas no pé e óculos de sol na cara !

Música boa pra vocês :}

Bisous,
Amanda Chaguri

Um dia especial !

29/02/2012

Salut !

Vinte e nove de fevereiro.

Fiz até questão de escrever por extenso, como manda a gramática. Pode até ser só um dia a mais num ano pra acertar a matemática dos outros, mas de alguma maneira eu sempre achei esse dia especial.

O que aconteceu de tão especial no meu dia 29/02 ? Absolutamente nada. Aliás, foi um daqueles dias sem graça, sabe ?
Mas depois que eu cheguei em casa, depois de passar o dia inteiro trabalhando sem nem parar pra pensar em que dia é hoje, eu finalmente olhei a data. E percebi que um dia tão especial, que acontece só uma vez a cada 4 anos, não poderia ter sido tão sem graça.
O problema não é a rotina, e sim ficar só nela, como eu fiz hoje. Bateu um arrependimento, sabe ?
Deveria ter usado uma roupa diferente, passado um batom cor-de-rosa, almoçado alguma coisa bem gostosa, ou até mesmo ter sido mais gentil com as pessoas à minha volta.
Só eu que tenho esses momentos doidos ? haha

E aí, aprofundando mais ainda no meu momento doido, eu parei pra pensar em como todos os dias são especiais, porque mesmo o dia 28/02 só vai acontecer de novo daqui um ano inteiro, e não sabemos o que pode acontecer até lá. Pior, 28/02/2012 acontece uma vez na vida !
E o que é que eu estou fazendo com todos esses meus dias especiais ? Aliás, o que é que todos estamos fazendo com nossos dias especiais ?
No mínimo passamos batido, isso se não desperdiçamos eles com bobagens.

Eu viajei um pouquinho aqui, mas eu queria dividir com vocês.

Porque o dia 29/02/2012 já tá quase acabando. Mas o dia 1º/03/2012 ainda nem começou !

Foto: WeHeartIt

 

PS: Parabéns pra quem nasceu nesse dia ! Mate todos de inveja porque você será forever young ! hahaha

Bisous,
Amanda Chaguri

Conhecendo: Casas by Gaudí – Barcelona

28/02/2012

Salut !

No fim eu dividi Barcelona tanto, lugar por lugar, pra poder mostrar bem cada um que o negócio tá rendendo, né ?
Mas apesar de eu ficar um tanto quanto ansiosa pra mostrar logo outras coisas, é bom porque provavelmente mesmo depois que eu voltar pro Brasil eu vou ter coisas pra mostrar aqui 🙂
Claro que eu pretendo mostrar coisas legais do Brasil também, mas como eu vou viajar bem menos quando eu voltar :/, já garanto !

Enfim, o lugar de hoje são duas casas que eu vi por lá e que são super famosas, acho que muitas de vocês que não conhecem já devem pelo menos ter visto fotos !
Elas foram projetas por Gaudí (sempre ele) e, como tudo o que ele projetou em Barcelona, têm uma carinha bem especial e um jeitinho bem diferente.

Uma é a Casa Milà, (sim, elas têm nome !), também conhecida como La Pedrera, que não tem nenhuma linha reta no edifício inteiro ! Olhando de fora é super interessante, toda cheia de ondas, dá pra viajar olhando pra essa casa.
Sua construção começou em 1905 e ela é Patrimônio da UNESCO. Ah, e tem gente que mora aí !

Casa Milà

A outra é a Casa Batlló, que na verdade é um edifício também que em 1875 teve sua reforma encomendada por José Batlló Casanovas. Pois é, reforma, gente. Nem imagino o que tinha ali antes !
Também dá pra viajar legal olhando pra ela, acho que mais até. Antes de qualquer comentário meu, qual a primeira coisas que vocês vêem olhando pra fachada ?
Eu juro que fiquei com medo, que não senti uma coisa muito boa. Agora que vocês já viram alguma coisa antes de eu comentar, posso falar: de cara já vi mil caveiras na fachada toda, e pra mim é isso o que tem e ponto final. Dizem que cada um enxerga uma coisa diferente, e eu acredito, mas pra mim são caveiras !

Casa Batlló

Fotos: Acervo pessoal.

Comentem o que foi que vocês viram na Batlló que eu tô curiosa pra saber se é verdade isso de ver diferente 😛

Bisous,
Amanda Chaguri

Daslu e Eliana Tranchesi: minha visão !

27/02/2012

Salut !

Nessa semana que passou, aconteceu um episódio que foi pouco comentado, mas que merece um pouco da nossa atenção.
Eliana Tranchesi faleceu, e além de oferecer meus pêsames à família, pois não é fácil, gostaria de falar um pouquinho dela e do que ela fez, pode ?

Começo por uma pergunta: você é perfeito ? Conhece alguém do seu convívio que é ? Então, como eu sei que a resposta é não, não vamos julgar ninguém aqui. Erros acontecem, e é muito mais fácil acontecerem quando se tem um ambiente propício para isso. Esse ambiente é nada menos que uma prova, um teste de honestidade, de caráter, no qual infelizmente a maioria das pessoas se perdem. O que temos que fazer (sei que é difícil algumas vezes, principalmente quando se trata de políticos) é entender que essas pessoas não conseguiram ser fortes o bastante para ir contra o erro. Eliana foi uma delas, e o escândalo das fraudes nas importações da Daslu foi o começo para um câncer que seu corpo desenvolveu.

Lembrança lamentável, eu concordo. Mas vamos deixar um pouco de lado esse momento da história da Daslu e vamos lá no início de tudo ?

Hoje é fácil querer investir no Brasil. Todo mundo quer. Um dos países que mais crescem no mundo, o poder aquisitivo cada vez maior e melhor, e todo esse borbulhamento (porém economicamente estabilizado) que a gente tem visto há alguns anos. Tudo às mil maravilhas, e o que a gente mais vê é empresa se instalando por aqui, principalmente no mundo da moda. Para a alegria da mulherada ! :}

Mas não era assim. Tínhamos uma economia complicada, inflação, o negócio não era fácil pra ninguém. Mas ainda assim tínhamos, e sempre tivemos, diga-se de passagem, consumidores de moda, consumidores de luxo, consumidores de prazeres. A Eliana viu nesse mercado uma oportunidade pra ela, e foi assim que, não sei como, ela conseguiu convencer as grandes grifes a vender em sua lojinha multimarcas.
Lojinha multimarcas ? Ela criou um império, onde a elite brasileira se vestia, sem precisar se dar ao trabalho de ir a Miami para fazer suas compras.
Parece um pouco piada falando assim, mas isso é sério e isso é visão de mercado e oportunidade. Uma verdadeira aula de marketing.

As grifes confiaram nela, porém sempre com um pézinho atrás; e se impressionaram com os resultados. Quando iriam imaginar que mulheres da mais alta sociedade se sentiriam em casa se vestindo (ou melhor, tirando a roupa) na frente de outras mulheres ? Pois isso tudo deu tão certo, que a loja da Chanel dentro da Daslu chegou a ser a número 1 em vendas por metro quadrado no mundo. Sabiam disso ?

Podemos até classificar a moda brasileira antes e depois de Eliana Tranchesi.
Antes, quando não éramos nada, e tínhamos de um lado um mercado querendo consumir luxo, e do outro marcas com um ótimo potencial, porém nenhuma atenção.
No mesmo lugar em que vendia Chanel, as consumidoras passaram a encontrar também marcas diferentes, brasileiras. Começou-se a valorização das nossas próprias marcas. Além disso, com todo esse burburinho jornalistas renomados (ou não também) do mundo inteiro vieram ver de perto o que estava acontecendo. O Brasil estava subindo a um patamar importante da moda mundial, e o que podemos afirmar é que só subiu mais. Fico orgulhosa a cada SPFW ou Rio FW com toda a importância que é dada a ambos os eventos no mundo inteiro.

A Daslu já passou por um escândalo, já foi o significado da desigualdade social e super mal vista por muita gente. Não tiro a razão de ninguém, mas digo que não se pode olhar para um lado só, sendo que existe um outro lado maravilhoso pra todo mundo. Acho até que a gente poderia tentar olhar para o próximo escândalo ou a próxima pessoa que errar com esses olhos, né ? :}

Bisous,
Amanda Chaguri

%d blogueiros gostam disto: